Curso de Cooperação Civil-Militar (CIMIC)

 

FINALIDADE E OBJETIVOS

Objetivos Gerais 

  • Conhecer o enquadramento das Operações de Apoio à Paz (OAP), em particular das Operações de Resposta a Crises (CRO);
  • Compreender as políticas e doutrinas da capacidade CIMIC em uso na NATO;
  • Compreender a atuação das Organizações Internacionais (OI), Organizações Governamentais (OG), Organizações Não Governamentais (ONG);
  • Compreender as outras capacidades e funções que interagem com a capacidade CIMIC (Info Ops, Targeting, PsyOps, Informação Publica, Humint, Assuntos Civis);
  • Conhecer a Doutrina de Assuntos Civis portuguesa na Guerra do Ultramar;
  • Compreender os contributos da capacidade CIMIC no Processo de Planeamento de Operações Militares da NATO (OPP);
  • Conhecer as atuais capacidades CIMIC, ao nível das Forças Armadas Portuguesas, no Joint Force Command Lisbon (JFCL) e Multinational CIMIC Group da NATO (MNCG/NATO);
  • Aplicar o Planeamento de Operações Militares da NATO, numa situação de não artigo 5º.

 

Finalidade

O Curso de Cooperação Civil-Militar é um curso de especialização que visa habilitar, os alunos que nele participam, com os conhecimentos teóricos e técnicos necessários para o desempenho de tarefas no âmbito das Operações de Cooperação Civil-Militar, em funções de Estado-Maior, em QG/NATO e em estados-maiores de forças Nacionais.

 

ENQUADRAMENTO LEGAL

O n.º 2 do artigo 1.º do Decreto-Lei n.º 161/2005, de 22 de Setembro, alterado pelo Decreto-Lei n.º 28/2010, de 31 de Março, define o Instituto de Estudos Superiores Militares como um estabelecimento de ensino superior público universitário, na dependência do Chefe de Estado-Maior-General das Forças Armadas.

A alínea a. do nº 2 do artigo 2.º do Decreto-Lei n.º 161/2005, de 22 de Setembro, alterado pelo Decreto-Lei n.º 28/2010, de 31 de Março, confere ao IESM a competência para a realização de cursos em áreas de interesse para a segurança e defesa nacional.

 

ESTRUTURA DO CURSO

O Curso de Cooperação Civil-Militar 1 unidade curricular, integrada na área científica de Operações Militares

 

Áreas científicas

 

Área científica

Sigla

Créditos (ECTS)

Obrigatórios

Optativos

Operações Militares

OM

3,0

 

TOTAL

 

3,0

 

 
 

Unidades curriculares

O curso é composto apenas por uma unidade curricular, designada: COOPERAÇÃO CIVIL-MILITAR 

 

DURAÇÃO DO CURSO

O Curso de Cooperação Civil-Militar tem uma duração de 10 dias úteis com 56 tempos escolares.

 

HABILITAÇÕES CONFERIDAS NO FINAL DO CURSO

Diploma de Curso de Especialização em Cooperação Civil-Militar

 

CONDIÇÕES DE ADMISSÃO AO CURSO

Frequentam o Curso de Cooperação Civil-Militar:

  • Oficiais Superiores de qualquer Ramo das Forças Armadas e Guarda Nacional Republicana, ou Oficiais capitães/primeiro-tenente habilitados com o Curso de Promoção a Oficial Superior;
  • Excecionalmente poderão ser admitidos oficiais capitães/primeiros-tenentes sem o Curso de Promoção a Oficial Superior;
  • Oficiais de países amigos, devendo para isso ser solicitado ao Comandante do IUM autorização para a sua frequência;
  • Elementos civis pertencentes a organismos que colaborem com o IUM, devendo para isso solicitarem ao Comandante do IUM, autorização para a sua frequência.

 

 

 

Ministério da Defesa Nacional

Estado-Maior General das Forças Armadas

Instituto Universitário Militar

Curso de Cooperação Civil-Militar

Diploma de Especialização Cooperação Civil-Militar 

Operações Militares

 

Unidades
Curriculares

Área
Científica

Tipo

Tempo de Trabalho (horas)

Créditos

Observações

Total

Contacto

Total
Contacto

T

TP

PL

TC

S

E

OT

O

Cooperação Civil-Militar

OM

Quinzenal

75

55

26

12

   

14

 

2

1

3,0

 

TOTAL

75

 

 

 

 

 

 

 

 

 

3,0

 

 
 
Síntese do plano de estudos
Os pedidos chegados ao IUM, serão analisados atendendo à finalidade do CCIMIC e às capacidades disponíveis.
 
 
 
 

Visit lbetting.co.uk how to sing-up at ladbrokes